domingo, 23 de abril de 2017

A irresponsabilidade na política.

É extremamente curioso ver agora a arquitecta Helena Roseta a dizer que o mercado de arrendamento está "avariado" e que são necessárias medidas para o dinamizar. No Parlamento esta senhora deputada foi responsável por um grupo de trabalho que destruiu completamente a confiança neste mercado, fez disparar o valor das rendas, que já não sobem apenas em Lisboa, mas também na margem sul, e agora pede medidas para anular as consequências dos disparates que o seu grupo de trabalho aprovou. Pessoalmente, acho que a primeira medida que a senhora deputada poderia tomar para restaurar a confiança no mercado de arrendamento era pedir desculpa aos muitos milhares de portugueses que em consequência desta contra-reforma perderam a possibilidade de arrendar casa e depois renunciar ao seu mandato. Mas já sabemos que a responsabilidade é uma coisa que não existe na política portuguesa. 

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Intervenção na Rádio Renascença.


Estarei neste sábado às 12 horas no programa da Rádio Renascença "Em nome da lei" a debater a contra-reforma do arrendamento.

segunda-feira, 3 de abril de 2017

sexta-feira, 31 de março de 2017

As alternativas para Lisboa.

Estamos bem servidos com as alternativas para Lisboa. De um lado, um presidente que acha que pode criar impostos por regulamento, desde que lhes chame taxa municipal. Do outro lado uma candidata que está convencida que a Câmara Municipal tem poderes para abolir impostos no concelho, fixando-lhes uma taxa 0. O estado a que isto chegou…